Carnaval e Feminismo

O carnaval de 2019 se tornou o palco da resistência cultural e popular contra a reação conservadora no Brasil. Não por acaso o protagonismo desta politização do carnaval e da carnavalização da política está com as mulheres, justamente as mais atingidas por toda esta conjuntura reacionária. Não é exatamente uma novidade. Desde, pelo menos, as manifestações do #EleNão durante as eleições passadas, as mulheres vem dando a linha. E trazem consigo as baterias, as danças e a alegria dos blocos.

Continue lendo “Carnaval e Feminismo”